Fatores que influenciam a falta de desejo sexual

Muitos especialistas apontam que, antes da relação sexual, o casal pode estabelecer parâmetros que mantenham o conforto nas atividades pré-sexuais para conseguir uma estimulação erótica prévia que permita relações sexuais satisfatórias.

Para as mulheres, a excitação prévia é essencial para atingir o orgasmo, principalmente para aquelas que, devido a alguma condição física, consideram o sexo doloroso.

Fisicamente a mulher precisa estar excitada para que a vagina produza lubrificantes naturais e as paredes vaginais se relaxem, dilatem e possa haver penetração, só então a mulher estará pronta para fazer sexo. Esse ponto é alcançado nos homens quando eles têm uma ereção.

A organização breastcancer.org fala sobre a possibilidade de usar Viagra para mulheres e que, da mesma forma que acontece com os homens, o sangue chega ao clitóris, da vulva à vagina e produz as condições para ter um sexo agradável e confortável. Estudos estão em andamento e podem haver resultados em breve.

O estimulante natural sildenax funciona como um potenciador da excitação em homens e mulheres, até agora os resultados têm sido favoráveis, mas as conclusões finais ainda estão por vir, visto que se destina a eliminar a possibilidade de que o aumento da testosterona em mulheres seja relacionadas ao risco de câncer de mama.

  • Percepção de si mesmo

É possível que a mulher não se sinta excitada por se perceber não muito sensual ou atraente, por isso sugere-se que use a engenhosidade e a imaginação para se perceber de outra forma, que seja excitante para ela. A excitação mental é tão poderosa quanto a excitação física.

  • Excitação por outros fatores

Em certos casos, a excitação pode vir de outros aspectos, como filmes, arte erótica e brinquedos sexuais. O uso dessas práticas vem aumentando cada vez mais e trazendo resultados benéficos para a vida sexual das mulheres. Experimentar brinquedos pode ser uma experiência de casal.

  • Os pensamentos

Ter em mente o que acontece na cabeça durante a relação sexual ajuda a identificar os momentos e pensamentos em que há maior excitação, as fantasias sexuais ocorrem primeiro na mente e depois podem ser realizadas na realidade.

As angústias podem inibir o desejo sexual e é importante reconhecer quando esses fatores estão presentes durante o sexo.

Para entender quando é melhor fazer sexo, você pode manter um registro dos momentos de alta excitação para identificar quando você pode aumentar a libido e quando é melhor evitar o sexo para não criar experiências ruins que diminuam ainda mais o desejo sexual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *